Sobre relacionamentos.
Falando p outras consciências
Por Kátia Erbiste – CF Facilitadora Certificada de Access ConsciousnessTM

Para um relacionamento a dois ou entre familiares e amigos.
Você sabia que amor e paz são implantes distratores?
Você escolhe viver um relacionamento ou uma comunhão? Relacionar cria separação. Comungar cria expansão, comunhão, união.
Eu buscava paz nos relacionamentos. Busquei dar e receber amor tbm. Como muitos de nós, sempre desejamos obter um relacionamento incrivelmente satisfatório. Só q verdade? Isso é real? Claro q não!
Ao invés de ficar esperando algo de alguém q te nutra, reconheça o ser fodástico q vc é. Faça uma coisa: volte em todos os lugares em q te fizeram menor, em q vc se permitiu encolher buscando esse amor e essa paz, buscando afeto e assim ficou vivendo para satisfazer muito mais o outro e não você. Faça Pod Poc *destrua e descrie tudo isso??
O quanto vc se permitiu se divertir sabendo q és um ser incrível e q #nãocarecedessesimplantes?
Seria possível agora destruir e descriar todos esses implantes distratores e perceber q você é a bondade que esperava tanto ver no outro e que precisa estar consciente para transformar e desenvolver certa resiliência dentro do caos que contribui com vc e a pessoa ou as pessoas envolvidas q vc diz amar e saber que poderiam existir muitas mentiras que criam tudo isso e que por isso deveriam ser destruídos?
Você escolhe deixar de estar certo ou errado sobre qualquer ponto de vista do outro? Você sabe q tudo pode ser modificado? E não precisa estar com a razão o tempo todo. Como seria se divertir ao invés de ser a guerreira ou o guerreiro num campo de batalhas?
Na vida não basta ter um discurso bonito de q ama, que tem afeto, de q é bom estar ao lado do outro, de q é só ter conforto para tornar satisfatório estar com o outro, e q não poderia ser diferente. ” Como  se não fosse possível a livre escolha do outro de fazer uma coisa diferente do planejado por vc….” O quanto não está percebendo o controle dentro do relacionamento, tanto seu quanto do outro? Qual é a verdade sobre isso que você ainda não considerou?
São os implantes distratores que te tira da presença e awereness. Muitas vezes dentro desse controle, criamos uma distância confortável que é uma forma de dizer, “vou deixar offline aquela pessoa porque escolho estar certo.” Um jogo q nunca termina não é mesmo?
Muitas pessoas fazem isso e você? Quem escolhe não viver à margem de seus próprios fundamentos de paz e amor q faz perder de vista a potência q poderia surgir ao romper com a barreira de estar certo, de ter paz e conforto, para saltar junto com o outro ou sem o outro pelo fato de reconhecer os próprios limites e escolher portanto livrar -se deles sendo consciente ao menos por um instante para ver tudo isso? Reconhecer essa potência em vc não requer reconhecimento do outro. Reconheça em você seus implantes e pontos de vista fixos , destrua e descrie um a um e veja o que poderá ser criado de real num relacionamento.
Que pontos de vista e pontos de referência eu estou usando para criar o relacionamento que eu estou escolhendo? Como seria criar a comunhão que eu mereço viver?

Você é o milagre!!! Bora receber???